Grupo armado ataca quartel militar na Argélia

Os militares usaram suas aeronaves como resposta ao ataque

Argel – Cinquenta homens armados com lança-foguetes atacaram um quartel do Exército no nordeste da Argélia, o que provocou uma resposta dos militares que usaram suas aeronaves, indicou nesta quinta-feira o jornal El-Khabar.

Dois atacantes foram mortos, enquanto seis soldados ficaram feridos no ataque que ocorreu na noite de quarta-feira contra um quartel militar em Khenchela (540 km ao sudeste de Argel), de acordo com o jornal, que cita uma fonte da segurança.

Os homens usaram, entre outras armas, lança-foguetes RPG procedentes da Líbia, indicou a mesma fonte, acrescentando que entre os atacantes havia tunisianos e líbios.

O ataque começou com o sequestro de dois civis, entre eles o motorista de um caminhão que fornecia comida para os quartéis.

Um primeiro grupo encheu o caminhão com armas pesadas e o utilizou para entrar no quartel, enquanto um segundo grupo trocava tiros com os militares.

Durante o tiroteio, que durou três horas, o Exército usou aviões de guerra, helicópteros e artilharia, segundo a mesma fonte.

Neste momento está em andamento uma operação de busca para encontrar outros integrantes do grupo armado, enquanto um atacante capturado está sendo interrogado.