Furacão Michael causa a primeira morte em passagem pelos EUA

O homem, que ainda não foi identificado pelas autoridades, morreu dentro de uma casa na cidade de Greensboro

Miami – A queda de uma árvore sobre uma casa no condado de Gadsden, no noroeste da Flórida, provocou a primeira morte relacionada à passagem do furacão Michael nos Estados Unidos, onde tocou solo perto de Mexico Beach com categoria 4 na escala Saffir-Simpson (cujo máximo é 5).

O homem, que ainda não foi identificado pelas autoridades, morreu dentro de uma casa na cidade de Greensboro, a noroeste de Tallahasse, a capital do estado da Flórida.

Michael, que avança como furacão de categoria 2 rumo à Geórgia, causou grandes inundações e destruição de residências em uma ampla região litorânea do noroeste da Flórida.

O fenômeno climático apresenta ventos máximos sustentados de 160 km/h e se dirige a nor-noroeste a 21 km/h, segundo o último boletim do Centro Nacional de Furacões (NHC).