Fukushima não é mais obstáculo para a economia, afirma Noda

Primeiro-ministro japonês acredita que país está se recuperando do terremoto

Nusa Dua, Indonésia – O primeiro-ministro japonês, Yoshihiko Noda, declarou nesta sexta-feira na Indonésia que seu país se recuperou em grande parte do terremoto de 11 de março, e que a situação da central nuclear de Fukushima “não é mais um obstáculo para a economia” do Japão.

“Já passaram oito meses desde o terremoto, as infraestruturas e a economia local nas zonas afetadas estão restabelecidas, muitas fábricas restauraram suas redes de abastecimento”, disse Noda na reunião da Associação de Nações do Sudeste Asiático (Asean) em Nusa Dua (ilha indonésia de Bali).

Os três reatores da central de Fukushima Daiichi, afetados no terremoto e tsunami de 11 de março, estão em “fase estável de resfriamento e o acidente nuclear não é mais um obstáculo para a economia do Japão”, disse.