Fotógrafo da AP é encontrado a salvo na Líbia

Altaf Qadri, premiado neste ano com um prêmio World Press Photo, estava desparecido no país

Nova York – A agência de notícias americana Associated Press (AP) anunciou neste domingo que seu fotógrafo Altaf Qadri, que havia desaparecido na véspera no leste da Líbia, está são e salvo.

“Estamos felizes de que ele tenha sido encontrado são e salvo enquanto cobria a violência na região”, disse John Daniszewski, editor internacional da AP, citado pela agência noticiosa.

Qadri, de 35 anos, laureado este ano com um prêmio World Press Photo, havia desaparecido no sábado no leste da Líbia enquanto cobria o conflito, segundo a AP.