Forças do Iêmen libertam reféns e matam sete sequestradores

Comitê disse em comunicado que um membro das forças de segurança do Iêmen ficou levemente ferido na operação

Sanaa – Forças de segurança do Iêmen libertaram sete reféns iemenitas e um estrangeiro em uma operação na qual vários sequestradores da Al Qaeda foram mortos, informou o comitê supremo de segurança do país.

O comitê não revelou a nacionalidade do refém estrangeiro resgatado, mas uma fonte do governo do Iêmen disse que era um instrutor militar norte-americano que trabalhava na base aérea de al-Anad, na província de Lahej, a cerca de 60 qulilômetros a norte da cidade portuária de Áden.

Segundo a fonte, a missão de resgate aconteceu perto da base, mas não houve confirmação imeditata desta informação por parte do comitê de segurança. A embaixada dos EUA em Sanaa se recusou a comentar a reportagem.

O comitê disse em comunicado que um membro das forças de segurança do Iêmen ficou levemente ferido na operação.

O Iêmen, que faz fronteira com a Arábia Saudia, maior exportador mundial de petróleo, é a base da Al Qaeda na Península Árabe (Aqap), grupo considerado pelos EUA como um dos mais ativos entre os braços da rede fundada por Osama bin Laden.