FMI aprova novo plano de ajuda para a Ucrânia

Ajuda busca amenizar os danos causados pelos conflitos entre o governo e os separatistas

Washington – O Fundo Monetário Internacional aprovou nesta quarta-feira um novo plano de ajuda de 17,5 bilhões de dólares para a Ucrânia, afetada por um violento conflito no leste do país, anunciou a diretora-gerente do órgão, Christine Lagarde.

“O programa (de ajuda) é ambicioso e implica riscos, provenientes especialmente do conflito”, reconheceu Lagarde em comunicado.