Evo Morales diz que Trump é “o único déspota no mundo”

Declaração foi uma resposta à fala de Trump, que afirmou na semana passada que o "despotismo cruel" não pode apagar o desejo de liberdade dos cubanos

La Paz – O presidente da Bolívia, Evo Morales, disse nesta segunda-feira que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, é “o único déspota no mundo”, em alusão à polêmica que surgiu neste fim de semana entre os governos americano e cubano.

“Trump é o único déspota do mundo por discriminar migrantes e mulheres e promover agressão e intervenção a povos do mundo. Ridículo”, escreveu Morales no Twitter.

No último sábado, data em que comemora a instauração do primeiro governo republicano em Cuba, Trump afirmou que o “despotismo cruel” não pode apagar o desejo de liberdade dos cubanos, que merecem um governo que defenda de maneira pacífica os “valores democráticos” através de um comunicado da Casa Branca.

Cuba, por meio de nota lida no canal estatal, respondeu que a mensagem era “ridícula” e que Trump era “mal assessorado”, ao mesmo em que tempo denunciou contradições nas diferentes mensagens de políticas interna e externa que o “magnata milionário transformado em presidente” passa.