EUA pedem que eventual governo palestino reconheça Israel

O representante de Trump no Oriente Médio disse que o "deve comprometer-se de maneira inequívoca e ambígua à não violência, reconhecer o Estado de Israel"

Jerusalém – O enviado especial dos Estados Unidos para o Oriente Médio, Jason Greenblatt, pediu nesta quinta-feira que um eventual governo de unidade palestina reconheça o Estado de Israel.

Um governo palestino “deve comprometer-se de maneira inequívoca e ambígua à não violência, reconhecer o Estado de Israel, aceitar os acordos e obrigações anteriores entre as partes, incluindo o desarmamento dos terroristas e o compromisso com negociações pacíficas”, disse Greemblatt, através de um comunicado.

“Se o Hamas vai desempenhar algum papel em um governo palestino, deve aceitar estes requisitos básicos”, acrescentou o enviado do presidente dos EUA, Donald Trump.