EUA lançam 4 ataques na Síria e mais 7 no Iraque contra EI

O Comando Central do Pentágono (CENTCOM) informou em comunicado que os bombardeios foram executados com aviões de combate, caças-bombardeiros e drones

Washington – As forças militares dos Estados Unidos, em parceria com países aliados, efetuaram entre ontem e esta quinta-feira quatro ataques aéreos na Síria e outros sete no Iraque contra as posições do grupo jihadista Estado Islâmico (EI).

O Comando Central do Pentágono (CENTCOM) informou em comunicado que os bombardeios foram executados com aviões de combate, caças-bombardeiros e drones, americanos e dos Emirados Árabes Unidos em território sírio, e do Reino Unido em solo iraquiano.

Na Síria, um dos ataques dirigidos contra as posições do EI destruiu um posto de controle perto da cidade curda de Kobani, enquanto no norte do Monte Sinjar causaram danos a um tanque.

Um ataque aéreo no oeste da cidade síria de Al Raqqah destruiu um tanque do EI e ao leste de Aleppo várias instalações do grupo jihadista foram atingidas.

No Iraque, um dos disparos, ao noroeste de Bagdá, destruiu dois veículos armados e danificaram mais outros dois, enquanto no noroeste de Mossul acabaram com um Humvee e danificaram mais dois.

Também próximo a Mossul foram destruídos três veículos armados e comprometidos outros junto de um edifício que era utilizado pelo EI.

Um dos ataques executados ao leste de Faluja destruiu um veículo e dois deles.

Ao oeste de Ramadi danificaram outro edifício e destruíram outro automóvel.

Os Estados Unidos anunciaram na segunda-feira da semana passada o início da ofensiva aérea, junto com aliados internacionais, contra os radicais sunitas também em solo sírio, após mais de um mês e meio de ataques unilaterais contra o EI no Iraque.