EUA efetua mais 23 ataques aéreos contra Estado Islâmico

Forças militares norte-americanas lançaram mais 13 ataques aéreos contra posições do EI na Síria e outros dez no Iraque

Washington – As forças militares dos Estados Unidos lançaram mais 13 ataques aéreos contra posições do grupo jihadista Estado Islâmico (EI) na Síria e outros dez no Iraque neste fim de semana, informou o Pentágono.

Segundo um comunicado emitido neste domingo pelo Comando Central dos Estados Unidos (CENTCOM), 11 dos ataques ocorreram perto da cidade curdo-síria de Kobani, onde foram destruídas 20 bases, cinco veículos e dois edifícios do EI.

Os bombardeios, que também contaram com a participação das forças da Arábia Saudita e dos Emirados Árabes Unidos, tinham como objetivo ‘enfraquecer e destruir a infraestrutura de produção, armazenamento e transporte de petróleo’ do grupo jihadista.

Kobani, na província de Aleppo, é um dos três principais enclaves curdos da Síria e alvo de uma ofensiva do EI desde 16 de setembro por sua situação estratégica ao fazer fronteira com a Turquia.

Outros dois ataques na Síria ocorreram no sudeste de Dayr Az Zawr, e tiveram como resultado o dano de uma refinaria de petróleo controlada pelos extremistas.

No Iraque, aviões aliados efetuaram três ataques aéreos ao oeste de Bayji, onde destruíram um veículo blindado e dois postos de controle de EI. Também foram realizados cinco bombardeios perto de Falujah, e outros dois nos arredores de Mossul, que acabaram com vários postos de controle e veículos dos jihadistas.