EUA detectaram lançamento de míssil na Ucrânia 3 dias atrás

John Kerry, secretário de Estado norte-americano, disse à CNN que foi detectado um fluxo de armamento da Rússia para o leste da Ucrânia no último mês

Washington – Os Estados Unidos detectaram o lançamento de um míssil antiaéreo e observou sua trajetória na quinta-feira passada, quando o avião da Malaysia Airlines caiu, supostamente atingido, no leste da Ucrânia, afirmou neste domingo o secretário de Estado, John Kerry.

‘Sabemos, com certeza, que durante o último mês houve um fluxo de armamento, um comboio de uns 150 veículos incluídos transporte de pessoal, lança mísseis, artilharia, da Rússia para o leste da Ucrânia’, disse o representante do governo em entrevista à emissora de televisão americana ‘CNN’.

Kerry afirmou que os separatistas pró-russos do leste ucraniano derrubaram uma dúzia de aviões em junho. Na quinta-feira passada os integrantes do grupo entraram em pânico perceberem que derrubaram mais um, por ser uma aeronave comercial, segundo o secretário.

‘Os separatistas têm a capacidade, obtida pela instrução na Rússia para o uso dos sistemas (de mísseis) terra-ar. Sabemos que as forças do governo da Ucrânia não tinham sistema assim na região’, detalhou Kerry.

Enquanto o governo de Washington insiste na necessidade de uma investigação sobre a catástrofe envolvendo o avião que ia de Amsterdã para Kuala Lumpur, Kerry apareceu hoje em, pelo menos, cinco programas de televisão para responsabilizar os separatistas pró-russos e, indiretamente, o governo de Vladimir Putin.