EUA aprova mais US$ 3,4 mi para atingidos por Sandy

Os recursos destinados pelo governo federal incluem ajuda para habitação e ''necessidades imediatas''

Washington – O governo dos Estados Unidos disse nesta quinta-feira que aprovou o envio de mais US$ 3,4 milhões em ajuda direta a mais de 36 mil afetados pela tempestade Sandy nos estados de Nova Jersey, Nova York, e Connecticut.

A informação foi dada pelo porta-voz da Casa Branca, Jay Carney, em declarações aos jornalistas que acompanham o presidente Barack Obama em sua viagem por Wisconsin, Nevada e Colorado.

Os recursos destinados pelo governo federal incluem ajuda para habitação e ‘necessidades imediatas’, afirmou Carney. O porta-voz acrescentou que Obama deve continuar hoje suas conferências telefônicas com autoridades locais das zonas atingidas ‘para assegurar que os recursos federais disponíveis estão sendo entregues’ para ajudar nos esforços de reconstrução.

O décimo furacão da temporada afetou cerca de 50 milhões de pessoas em toda a costa leste do país e as autoridades trabalham contra o relógio para restabelecer o abastecimento elétrico e de água potável nas zonas afetadas.

Desde que o ciclone Sandy tocou terra ao sul de Atlantic City (Nova Jersey), o governo federal coordenou esforços de limpeza e reconstrução com as autoridades locais e estaduais em toda a zona litorânea do leste dos Estados Unidos.

As nove equipes de busca enviadas por Washington para os estados impactados por Sandy contribuíram em ‘centenas de resgates’, disse Carney.

Além disso, o porta-voz disse que o governo enviou mais de 2.300 empregados da Agência para Gestão de Emergências para todo corredor do litoral atlântica do país.