Esquerdistas admitem derrota na Grécia e prometem oposição

Líder do Syriza disse que "um novo dia para a Grécia amanheceu"

Atenas – O partido de esquerda radical Syriza admitiu ter sido derrotado no domingo nas eleições parlamentares da Grécia, mas prometeu continuar lutando contra as medidas de austeridade econômica impostas pelo plano de resgate financeiro da União Europeia e Fundo Monetário Internacional (FMI) para salvar o país da bancarrota.

“A partir de segunda-feira nós continuaremos a batalha”, disse o líder do Syriza, Alexis Tsipras, a seguidores. “Um novo dia para a Grécia amanheceu”.