Esforço para reconstrução da Notre-Dame reúne quase US$ 1 bilhão

Presidente Emmanuel Macron disse que a catedral deverá ser reconstruída em cinco anos

Mais de 800 milhões de euros (US$ 920 milhões) já estão prometidos para a reconstrução da Catedral de Notre-Dame, segundo o ministro da Cultura francês, Franck Riester. O orçamento normal por ano para restauração de monumentos nacionais é de cerca de 300 milhões de euros, disse ele.

A prioridade imediata é garantir o cofre da Notre Dame, que abriu um buraco no meio depois que o pináculo caiu durante o incêndio na noite de segunda-feira, disse Riester em entrevista ao canal de televisão France2. Outras etapas urgentemente necessárias são a remoção de estátuas derretidas que estão sobrecarregando partes frágeis da estrutura externa.

As doações podem ser feitas acessando o site http://www.rebatirnotredamedeparis.fr, que tem links para quatro organizações autorizadas, disse Riester. Milionários e empresas já prometeram centenas de milhões de euros para o projeto.

O presidente Emmanuel Macron disse na noite de terça-feira que a catedral será reconstruída em cinco anos. “É uma ambição boa”, disse Riester. “Vamos mobilizar todo o nosso conhecimento, todas as doações”. Ele disse que era cedo demais para falar sobre como a catedral será restaurada e com quais materiais e técnicas.