Enviado da ONU chega pela primeira vez ao Iêmen para discutir paz

O Iêmen está em guerra desde o final de 2014, quando os houtis tomaram a capital, Sana, e várias províncias do noroeste

Sana – O novo enviado especial das Nações Unidas para o Iêmen, Moen Sharim, chegou neste sábado a Sana em sua primeira visita ao país para discutir os esforços de paz, a fim de terminar o conflito no país.

Sharim, que não deu nenhuma declaração aos jornalistas no momento de sua chegada ao aeroporto da capital iemenita a bordo de um avião da ONU, se reunirá com os líderes do movimento dos rebeldes houtis nos próximos dois dias.

O responsável da ONU foi nomeado para o cargo em setembro do ano passado, em substituição a Ismail Ould Cheikh Ahmed, que foi acusado pelos houtis – que controlam grandes partes do Iêmen, inclusive a capital – de parcialidade a favor do governo reconhecido internacionalmente.

O Iêmen está em guerra desde o final de 2014, quando os houtis tomaram a capital, Sana, e várias províncias do noroeste, e desde então estes insurgentes lutam contra as tropas leais ao presidente Abd Rabbuh Mansur Al-Hadi, que contam com o apoio da coalizão militar liderada pela Arábia Saudita. EFE