Entre quatro candidatos, Boris Johnson amplia vantagem para substituir May

Boris Johnson obteve 143 votos dos 313 deputados na terceira rodada das primárias do Partido Conservador

O ex-chanceler britânico Boris Johnson aumentou, nesta quarta-feira (19), sua vantagem na corrida para suceder a agora ex-premiê Theresa May como líder do Partido Conservador e chefe de governo, em uma terceira rodada das primárias. O novo nome será o responsável por conduzir o país no Brexit, a saída da União Europeia.

Veja também

Quatro candidatos continuam na disputa. Johnson obteve 143 votos dos 313 deputados conservadores nesta quarta-feira, após somar 126 na votação da véspera. Nela, o ministro de Desenvolvimento Internacional, Rory Stewart, de 46 anos, foi eliminado.