Embaixador diz que volta de Chávez é “cada vez mais certa”

O presidente venezuelano permanece hospitalizado em Cuba desde o dia 11 de dezembro, quando foi submetido a uma cirurgia para combater o câncer

Caracas – O embaixador da Venezuela na Organização dos Estados Americanos (OEA), Roy Chaderton, disse neste sábado que “há a alternativa cada vez mais certa” do retorno do chefe de Estado, Hugo Chávez, a seu país após ser perguntado sobre se a situação de saúde do governante colocava em jogo “a pátria”.

“Está em jogo porque está ameaçada (a pátria), mas (…) a pátria vai se salvar. Há a alternativa cada vez mais certa do retorno do presidente Chávez”, disse o embaixador durante uma entrevista ao canal “Telesur”.

Nos 14 anos do Governo de Chávez, na Venezuela “se criou um movimento, se criou uma consciência”, continuou o embaixador durante a entrevista.

O presidente venezuelano permanece hospitalizado em Cuba desde o dia 11 de dezembro quando foi submetido a uma cirurgia para atenuar o câncer que o aflige.