Embaixada dos EUA na Jordânia suspende serviços temporariamente

A embaixada disse ter recomendado que seus funcionários e familiares na Jordânia evitem ir às ruas em função dos possíveis protestos

Amã – A embaixada dos Estados Unidos na Jordânia suspendeu temporariamente seus serviços nesta quarta-feira devido à possibilidade de protestos devido à decisão do presidente dos EUA, Donald Trump, de reconhecer Jerusalém como capital de Israel.

“A embaixada americana suspendeu temporariamente os serviços públicos de rotina”, informou a legação diplomática em comunicado divulgado no Twitter.

Além disso, a embaixada disse ter recomendado que seus funcionários e familiares na Jordânia evitem ir às ruas em função dos possíveis protestos, que “têm o potencial de se transformarem em violentos”.