Em pleno verão, Itália registra sensação térmica de 50ºC

O Ministério da Saúde já emitiu uma notificação para 26 cidades do país, como Roma, Frosinone, Pescara e Campobasso

As altas temperaturas do verão europeu voltaram a atingir a Itália nesta terça-feira (1) e colocaram as autoridades em alerta pelo risco de escassez de água.

Na Sardenha, a sensação térmica chegou aos 50ºC, de acordo com os institutos meteorológicos.

O Ministério da Saúde já emitiu uma notificação para 26 cidades do país, como Roma, Frosinone, Pescara e Campobasso, já que as previsões são de calor extremo até a próxima quinta-feira (3).

As temperaturas também permanecerão altas em Bari, Bolonha, Bolzano, Brescia, Cagliari, Florença, Latina, Milão, Nápoles, Perugia, Rieti e Viterbo.

Ontem, por volta das 16h locais, a sensação térmica era de 49ºC em Capo San Lorenzo, na Sardenha, e com os termômetros marcando 33ºC.

A sensação de 50ºC foi sentida hoje, por volta das 15h locais, e é considerada um recorde.

Esta semana deverá ser a mais quente do ano na Itália.

Este conteúdo foi publicado originalmente no site da ANSA.