Eleições presidenciais russas acontecerão em 18 de março de 2018

Inicialmente, o pleito estava previsto para 11 de março, mas a data foi trocada para coincidir com o aniversário da anexação da Crimeia

Moscou – As próximas eleições presidenciais na Rússia acontecem no dia 18 de março de 2018, segundo a convocação oficial aprovada nesta sexta-feira pelo Conselho da Federação, a Câmera Alta do Parlamento do país.

Inicialmente, o pleito estava previsto para 11 de março, mas em virtude de uma emenda à lei eleitoral a data foi trocada para o dia 18 do mesmo mês a fim de fazê-la coincidir com o aniversário da anexação da Crimeia.

“Esse dia será domingo, por isso que podem ser convocadas eleições de acordo com nossa legislação. E o fato de que coincida com uma festa tão maravilhosa, que realizamos há anos, tudo está muito bem”, disse então o presidente da Duma ou Câmara de Deputados, Viacheslav Volodin, ao comentar a modificação.

No dia 18 de março de 2014, o presidente russo, Vladimir Putin, assinou o tratado de incorporação da península da Crimeia na Federação da Rússia, decisão que foi condenada unanimemente pelo Ocidente e que levou à adoção de sanções econômicas internacionais contra Moscou.

A presidente da Comissão Eleitoral Central (CEC) da Rússia, Ella Panfilova, afirmou hoje que “pelo menos 23 pessoas manifestaram o seu desejo de participar das eleições”.

Todas as pesquisas assinalam Putin como ganhador certo das eleições, o que lhe permitirá permanecer à frente do Kremlin até 2024.