EI reivindica ataque contra agência de inteligência afegã

Segundo o governo afegão, insurgentes ocuparam um edifício em construção próximo ao centro do NDS e iniciaram um tiroteio contra as forças de segurança

Cairo – O grupo terrorista Estado Islâmico (EI) reivindicou o ataque cometido nesta segunda-feira no centro de treinamento da principal agência de inteligência afegã, o Diretório Nacional de Segurança (NDS), em Cabul.

A agência “Amaq”, vinculada aos jihadistas, afirmou que dois suicidas do EI atacaram o centro de inteligência da agência afegã em Cabul, sem apresentar mais detalhes.

O porta-voz do Ministério de Interior afegão, Nasrat Rahimi, disse à Agência Efe que os insurgentes ocuparam um edifício em construção próximo ao centro do NDS e iniciaram um tiroteio contra as forças de segurança, sem que por enquanto se saiba se há mortos ou feridos.

O EI cometeu vários atentados no Afeganistão nos últimos meses, entre eles o mais grave ocorrido desde 2001, um ataque com um caminhão repleto de explosivos que deixou 150 mortos e mais de 300 feridos no último mês de maio.

Veja também