EI faz grande ofensiva contra cidade curda na Síria

Segundo ONG, Ras al-Ain e vilarejos próximos estão sob controle das Unidades de Proteção do Povo Curdo e os novos combates deixaram dezenas de mortos

Beirute – O grupo jihadista Estado Islâmico (EI) iniciou uma grande ofensiva nesta quarta-feira para tentar conquistar a cidade curda de Ras al-Ain, na região norte da Síria e próxima à fronteira com a Turquia.

“Combatentes do EI iniciaram um ataque de grande envergadura contra Ras al-Ain e conseguiram tomar uma localidade próxima”, anunciou a ONG Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

Ras al-Ain, na província de Hasake, foi cenário de grandes combates em 2013, antes que as forças curdas conseguissem expulsar os jihadistas vinculados à Al-Qaeda da cidade.

A cidade e os vilarejos próximos estão sob controle das Unidades de Proteção do Povo Curdo (YPG) e os novos combates deixaram dezenas de mortos dos dois lados, segundo o OSDH, que tem sede em Londres.

Um porta-voz do Partido da União Democrática, braço político das YPG, confirmou os confrontos.

A ofensiva acontece algumas semanas depois dos curdos terem expulsado o EI da cidade síria de Kobane, mais ao oeste, também na fronteira com a Turquia.

Kobane, devastada depois de meses de combates e de bombardeios da coalizão internacional em apoio aos curdos, se transformou em um símbolo da resistência antijihadista.

Os curdos e as forças aliadas assumiram desde então o controle de boa parte das zonas rurais da província de Aleppo (norte) e pressionam ao leste, em direção à província de Raqa, onde fica a “capital” autoproclamada do EI.