EI avança na Síria e chega mais perto da fronteira turca

O grupo extremista está apenas a 11 quilômetros da principal rodovia que serve como rota de abastecimento e de armas provenientes da Turquia

Beirute – Militantes do grupo Estado Islâmico avançaram ainda mais na província de Aleppo, na Síria, neste domingo, capturando diversas aldeias de grupos de oposição e ameaçando a principal rodovia que faz ligação com a fronteira turca.

Confrontos violentos continuaram nesta segunda-feira, com combatentes tentando frear o avanço do grupo extremista, que estão apenas a 11 quilômetros da principal rodovia que serve como rota de abastecimento e de armas provenientes da Turquia.

Nas aldeias na província de Aleppo, o grupo decapitou vários combatentes rebeldes e levou alguns membros de suas famílias como reféns, disse o coronel Abu Firas, da força aérea síria.

Rebeldes no nordeste de Aleppo têm lutado contra o Estado Islâmico por um ano e meio. O ataque surpresa de domingo aconteceu enquanto os combatentes da oposição se preparavam para uma ofensiva separada contra as forças leais ao governo sírio, que mantém uma forte presença em partes da província.

O mais recente avanço do Estado Islâmico vem na esteira de suas conquistas de maio, das estratégicas cidades de Palmira, na Síria, e Ramadi, capital da maior província do Iraque.