Dona de restaurante morre horas após cumprimentar Obama

Josephine "Ann" Harris, de 70 anos, foi levada de ambulância ao Centro Clínicos Geral de Akron, depois de se queixar de fadiga e uma sensação de formigamento

Washington – A proprietária do restaurante “Ann”s Place”, onde o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, parou nesta sexta-feira para tomar o café da manhã durante sua viagem de ônibus pelos estados de Ohio e Pensilvânia, morreu algumas horas depois que Obama deixou o estabelecimento, aparentemente por causa de um infarto.

Josephine “Ann” Harris, de 70 anos, foi levada de ambulância ao Centro Clínicos Geral de Akron, depois de se queixar de fadiga e uma sensação de formigamento, segundo informou o jornal local “Akron Beacon Journal”.

Harris foi declarada morta às 11h18, segundo o Escritório Legista do Condado. Obama tinha deixado o restaurante às 8h42 hora local, apenas duas horas e meia antes.

A proprietária pôde cumprimentar o presidente, que tomou café da manhã em seu estabelecimento, ovos com bacon, na primeira parada do dia de seu ônibus de campanha, que viajava de Ohio para a Pensilvânia.

“Tenho certeza que este foi seu grande momento”, disse Frankie Adkins, irmã de Josephine, ao saber de sua morte. “Ela amava Obama”, declarou.