Dois rebeldes das Farc são mortos em combate na Colômbia

O governo colombiano e as Farc assinaram um acordo de paz em setembro, que foi rejeitado em um plebiscito no mês passado

Bogotá – Dois rebeldes das Farc foram mortos em combate e outro se rendeu na província de Bolívar, no norte da Colômbia, quando deixaram sua região pré-determinada com armas, disseram os militares na quarta-feira, na primeira vez em que o cessar-fogo bilateral foi rompido.

O governo colombiano e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) assinaram um acordo de paz em setembro, que foi rejeitado em um plebiscito no mês passado.

Os dois lados finalizaram um acordo revisto durante o fim de semana que visa acabar com 52 anos de conflito que matou mais de 220.000 pessoas e deslocou milhões.

O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, ordenou o cessar-fogo com os rebeldes em agosto.