Digitais em Berlim; Alepo evacuada…

Digitais do tunisiano

Os investigadores alemães encontraram impressões digitais do suspeito Anis Amri, de origem tunisiana, dentro do caminhão que foi utilizado no atentado em Berlim na última segunda-feira. Amri tem 24 anos e já havia pedido asilo ao país, mas sua permanência tinha sido negada. O ministro de Interior alemão, Thomas de Maizière, informou que várias provas apontam que ele é mesmo o autor do atentado, reivindicado pelo Estado Islâmico. Contra ele, já foi emitida ordem de prisão, e a polícia passou o dia realizando operações em diversas partes do país. A chanceler Angela Merkel visitou o quartel de investigação, elogiou o trabalho incessante dos agentes e disse estar orgulhosa da tranquilidade dos alemães.

Armas nucleares nos EUA

O presidente eleito americano, Donald Trump, afirmou, nesta quinta-feira, que os Estados Unidos devem investir fortemente na ampliação do arsenal nuclear, hoje com cerca de 7.000 ogivas, um pouco atrás da Rússia. O Pentágono quer modernizar toda a tríade de mísseis, submarinos e bombardeiros. A afirmação é uma mudança total em relação ao discurso de Barack Obama, que defendia o fim das armas nucleares.

Alepo dominada

Nesta quinta-feira, o Exército sírio anunciou a retomada total de Alepo, cidade que se tornou o epicentro da guerra civil no país. A última leva de civis e rebeldes foi retirada durante a noite em quatro ônibus controlados pelas tropas do governo. A cidade história, segunda maior da Síria, ficou completamente destruída após anos de bombardeios, apoiados pelo Exército russo. É a maior vitória do regime de Bashar al-Assad desde o início da guerra.

Papa Francisco: entre laicos e mulheres

O papa Francisco voltou a afirmar, nesta quinta-feira, quão importante é reformar a Cúria — o governo da Igreja Católica. Em sua mensagem anual aos membros do grupo, sempre proferida antes do Natal, ele insistiu que postos importantes devem ser ocupados por mais laicos e mulheres em todo o mundo. Atualmente, todos os chefes de ministérios são eclesiásticos. O papa citou 12 pontos fundamentais para a reforma, que deve ser acompanhada de mudanças humanas, espirituais e profissionais dos membros da Cúria.

Israel x Palestina

A resolução que prevê a interrupção de construções israelenses em território palestino teve sua votação suspensa nesta quinta-feira pelo Conselho de Segurança da ONU. O pedido de adiamento foi apresentado pelo Egito, país propositor do projeto, alegando ser necessário mais tempo para discutir o tema. O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, havia pedido nesta quinta-feira que os representantes americanos vetassem a medida. Ainda não há nova data para votação.