Deslizamento de terra na Colômbia deixa ao menos 28 mortos

Moradores da região já tinham recebido uma advertência que podia acontecer um deslizamento, mas não seguiram a recomendação de retirada

Bogotá — O número de mortes após um deslizamento de terra ocorrido no final de semana em Cauca, província do sudoeste colombiano, subiu para 28, informou a agência nacional de reação a desastres na segunda-feira.

O deslizamento, causado por chuvas fortes, aconteceu no início da manhã de domingo em uma área rural do município de Rosas.

“Nos últimos dois dias, recuperamos 28 corpos. As operações de resgate recomeçarão de manhã”, disse a agência no Twitter na noite de segunda-feira.

Ao menos cinco pessoas foram hospitalizadas, e oito casas foram destruídas. Uma porção da Rodovia Panamericana também foi bloqueada pelo deslizamento de terra.

O presidente da Colômbia, Iván Duque, visitou a área na noite de domingo e disse que o governo amparará as vítimas e oferecerá abrigo e outros tipos de ajuda.

Os deslizamentos de terras são comuns na montanhosa Colômbia, especialmente durante a temporada de chuvas e em áreas onde moradias informais precárias e estradas estreitas são construídas em colinas desmatadas dos Andes.