Desemprego na Espanha cai em julho

A redução acumulada do desemprego durante os sete primeiros meses do ano, 281.478 pessoas, é a maior desde 1998

Madri – O número de desempregados registrados nos serviços públicos de emprego na Espanha caiu em julho em 29.841 pessoas em relação ao mês anterior, para 4.419.860, número inferior ao existente no começo da legislatura (4.422.359).

Segundo dados publicados hoje pelo Ministério de Emprego e Seguridade Social, o desemprego se reduziu em 278.954 pessoas em relação a julho de 2013, o que reflete uma queda de 5,94%.

A redução acumulada do desemprego durante os sete primeiros meses do ano, 281.478 pessoas, é a maior desde 1998.

Em termos fora da estação (sem levar em conta a diferença de dias úteis), o desemprego registrado subiu em 32.357 pessoas, o que quebra uma trajetória de 11 meses de baixas.