Corpos são encontrados na Indonésia em região onde barco naufragou

Através de imagens de vídeo captadas por um drone submarino, oficiais distinguiram restos humanos e objetos pessoais

Jacarta – As equipes de resgate da Indonésia informaram nesta sexta-feira que encontraram um número indeterminado de corpos a uns 450 metros de profundidade no lago Toba, na ilha de Sumatra, onde na semana passada o naufrágio de um barco deixou 192 desaparecidos.

Através de imagens de vídeo captadas por um drone submarino, oficiais da Agência Nacional de Busca e Resgate (Basarnas) distinguiram restos humanos e objetos pessoais.

Os serviços de emergência acham que os desaparecidos ficaram presos na embarcação quando ela virou, há 11 dias.

“Após a descoberta, o próximo passo é (decidir) como resgatar os corpos”, afirmou Muhammad Syaugi, diretor da Basarnas.

A embarcação KM Sinar Bangun, com capacidade para 43 passageiros mas que transportava mais de 200 pessoas, virou no último dia 18, no meio a ondas de até de dois metros e mau tempo, no lago Toba, durante a travessia de cerca de seis quilômetros de distância entre a cidade de Tigaras e a ilha de Samosir.

Foram resgatadas com vida 18 pessoas, entre elas o capitão do barco que está sendo investigado ao lado de outros membros da tripulação, e resgataram quatro corpos, enquanto as autoridades ainda desconhecem paradeiro de 192 pessoas dadas como desaparecidas.