Coreia do Norte critica relatório sobre direitos humanos

Relatório será publicado na segunda-feira por uma Comissão de Inquérito da ONU

Genebra – A Coreia do Norte “rejeita categórica e totalmente” um relatório sobre a situação dos direitos humanos no país, a ser publicado na segunda-feira por uma Comissão de Inquérito da ONU, segundo nota enviada à Reuters pela missão diplomática norte-coreana em Genebra.

O documento de duas páginas diz que o relatório é um “instrumento de complô político” e um “produto da politização dos direitos humanos por parte da UE e do Japão em aliança com a política hostil dos EUA”.

“No entanto, continuamos a responder fortemente até o final a qualquer tentativa de mudança de regime e a pressões sob o pretexto da ‘proteção aos direitos humanos'”, disse o texto.

“A RDPC (sigla oficial da Coreia do Norte) mais uma vez deixa claro que as ‘violações dos direitos humanos’ mencionadas no chamado ‘relatório’ não existem em nosso país.”