Coreia do Norte aceita ajuda do Sul após graves inundações

Acredita-se que as fortes chuvas e tufões que se abateram sobre a Coreia do Norte este verão causaram mais de 200 mortes

Seul – A Coreia do Norte aceitou a proposta de ajuda material da Coreia do Sul para aliviar os efeitos das devastadoras inundações que afetaram o país comunista neste verão, informou nesta segunda-feira a agência sul-coreana ‘Yonhap’.

“O Norte informou de sua intenção de aceitar a ajuda do governo da Coreia do Sul através de um porta-voz da Cruz Vermelha norte-coreana na aldeia de Panmunjom (situada na região desmilitarizada entre as duas Coreias)”, explicou à Yonhap uma fonte oficial sob condição de anonimato.

A resposta de Pyongyang chega uma semana depois que Seul enviou um telegrama no qual propunha um encontro para discutir o envio de material de ajuda para os afetados pelas graves inundações.

Acredita-se que as fortes chuvas e tufões que se abateram sobre a Coreia do Norte este verão causaram mais de 200 mortos e cerca de 400 desaparecidos, além de deixar 200 mil pessoas sem lar.

Além disso, segundo os dados da agência estatal norte-coreana, ‘KCNA’, a água também arrasou dezenas de milhares hectares de terreno agrícola.