Colômbia retoma negociações de paz com as Farc nesta semana

Objetivo é acabar com um conflito de quase meio século

O governo da Colômbia e os rebeldes marxistas retomam as negociações de paz nesta semana com o objetivo de acabar com um conflito de quase meio século após uma ofensiva militar de dez anos contra a guerrilha não conseguir encerrar o confronto.

O presidente Juan Manuel Santos está tentando alcançar um acordo com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) e trazer paz para a quarta maior economia da América Latina.

O antigo ministro da Defesa do país viu sua popularidade cair durante o ano passado ao lado do ex-presidente Álvaro Uribe, por muito tempo seu aliado próximo, levando à crítica de que Santos tem sido muito brando com as Farc. Mas um acordo de paz antes da eleição de 2014 poderia garantir um segundo mandato a Santos.

Analistas dizem que está claro que o conflito não pode ser resolvido apenas por meios militares e que o governo tem uma chance de negociar por um fim a partir de uma posição de força do que pela aniquilação dos rebeldes.