COI suspende Kuweit por interferência do governo

O comitê suspendeu o Kuweit pela segunda vez em cinco anos por causa da interferência do governo no comitê olímpico do país

Dubai – O Comitê Olímpico Internacional suspendeu o Kuwait pela segunda vez em cinco anos por causa da interferência do governo no comitê olímpico do país.

O COI disse nesta terça-feira que se reuniu com o governo e o Comitê Olímpico do Kuwait em 12 de outubro para resolver o problema sobre uma parte da legislação esportiva que foi vista como uma ameaça à autonomia do órgão olímpico, mas as negociações foram infrutíferas.

“O Movimento Olímpico no Kuwait tem enfrentado uma série de questões para preservar a sua autonomia, em particular devido à legislação esportiva recentemente alterada no Kuwait”, afirmou o COI.

O COI disse ainda que foi estabelecido um prazo de 27 de outubro para a resolução da questão, mas como o governo do Kuwait não tomou qualquer medida, o COI efetuou a suspensão e isso significa que o país não pode participar de qualquer atividade relacionada às Olimpíadas, incluindo os Jogos, que serão realizados no Rio de Janeiro no ano que vem.

O Kuwait também foi suspenso em 2010 devido a uma disputa semelhante, mas foi reintegrado antes dos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012.

A federação de futebol do país também foi banida pela Fifa neste mês por causa da interferência do governo na gestão da Kuwait FA.