Ciclone no sul da Índia mata 2 e deixa 5 desaparecidos

Segundo as previsões meteorológicas, as chuvas do Nilam seguirão castigando a região nas próximas horas, mas com tendência de perder intensidade

Nova Délhi – Duas pessoas morreram e cinco permanecem desaparecidas por consequência da passagem do ciclone Nilam pelo sul da Índia, informou nesta quinta-feira a emissora local NDTV.

Um dos mortos e os cinco desaparecidos faziam parte da tripulação do petroleiro Cauvery, que foi desestabilizado pelos fortes ventos, embora não tenha chegado a ir a pique. Outros 15 tripulantes do mesmo petroleiro foram resgatados pelas equipes de socorro.

A outra vítima fatal é um homem de 46 anos que caiu ao mar em Pondichery, também no estado de Tamil Nadu.

Embora o ciclone Nilam tenha chegado à costa sul da Índia com menos força do que fora previsto, algumas zonas da região permanecem desde ontem sem energia elétrica e vários colégios foram obrigados a fechar as portas.

Segundo as previsões meteorológicas, as chuvas seguirão castigando a zona nas próximas horas, mas com tendência de perder intensidade.