China vai inovar em política de crédito, diz jornal

Informação reforçou as expectativas de que o banco central da China vai introduzir novas ferramentas de política monetária em 2011

utoridades do Banco do Povo da China (PBOC, o banco central do país) prometeram ser inovadores quando estabelecerem a política de crédito chinesa, segundo a edição de hoje do jornal estatal People’s Daily. A informação reforçou as expectativas de que o PBOC vai introduzir novas ferramentas de política monetária em 2011.

Liu Shiyu, vice-presidente do banco central, disse que a inovação é a maior prioridade para a política de crédito, de acordo com o jornal. O periódico não forneceu mais detalhes sobre a declaração. Liu fez a afirmação durante uma reunião sobre o desenvolvimento do mercado financeiro da China. Na ocasião, foi decidido que o PBOC vai continuar tomando medidas práticas neste ano para direcionar mais crédito para a economia real, informou o jornal.

O People’s Daily também citou Guo Qingping, assistente do PBOC, que teria afirmado que o banco central vai melhorar a forma como administra o crédito e ampliar as ferramentas da política creditícia. Os comentários de Liu foram feitos depois de, recentemente, o PBOC introduzir taxas de reserva diferenciadas para administrar a expansão do crédito de bancos. As informações são da Dow Jones.