China emite alerta de inundação pelo tufão “Nesat”

O fenômeno foi o mais forte dos 17 que atingiram a China na temporada das monções e já causou 43 mortes nas Filipinas

Pequim – As autoridades chinesas emitiram nesta sexta-feira o alerta de risco de inundações pela passagem do tufão “Nesat” pelo sul do país, o mais forte dos 17 que atingiram a China na temporada das monções e que já causou 43 mortes nas Filipinas.

O alerta é para a província de Hainan, que é uma ilha no sul do país, e para as províncias litorâneas de Zhejiang, Guangxi e Guangdong, onde as chuvas torrenciais provocaram um aumento do nível das águas de até 47 centímetros, de acordo com informações do Centro Estatal de Controle de Inundações.

Em algumas áreas, plantações foram alagadas e os fortes ventos arrancaram árvores, mas até o momento não há registro de mortos, informou o centro de controle.

Entretanto, na passagem pelas Filipinas, o “Nesat” deixou 43 mortos, 30 desaparecidos, e cerca de um milhão de pessoas ficaram desabrigadas.