China ampliará cooperação com Grécia, diz vice-ministro

País vai ampliar o apoio a companhias chinesas que estão participando em projetos gregos de infraestrutura de construção e de privatização

Pequim – O vice-ministro do Comércio da China, Zhong Shan, afirmou hoje, em comunicado, que o país apoia os esforços da União Europeia (UE) para resolver a crise da dívida na região e que a China vai adotar uma ação prática para sustentar os países da UE, incluindo a Grécia.

A China aumentará a cooperação marítima com a Grécia, o apoio a companhias chinesas que estão participando em projetos gregos de infraestrutura de construção e de privatização. O governo chinês também elevará as importações da Grécia e planeja atingir um comércio bilateral com o país de US$ 8 bilhões até 2015, disse Zhong.

Segundo o ministro, o funcionário do Partido Comunista Jia Qinglin disse, durante uma viagem à Europa, que a China está confiante que a União Europeia poderá resolver a crise. A viagem de Jia incluiu paradas na Grécia, Holanda e Alemanha. As informações são da Dow Jones.