Chile confirma queda de avião que desapareceu com 38 pessoas

A Força Aérea informou em um comunicado que ainda não conseguiu localizar o avião e determinar se há sobreviventes

Santiago — A Força Aérea do Chile confirmou nesta terça-feira (10), a queda de um avião de carga com 38 pessoas que desaparecera na véspera durante voo para uma base na Antártida.

A aeronave Hércules C130 decolou na segunda-feira às 16h55 (horário local) da cidade de Punta Arenas, no sul do país, e perdeu contato logo após às 18h.

A Força Aérea informou em um comunicado que ainda não conseguiu localizar o avião e determinar se há sobreviventes, mas que concluiu que a aeronave deve ter caído devido ao total de horas que já está desaparecida.

A Aeronáutica chilena também explicou que estava fazendo contato com as famílias dos 17 tripulantes e 21 passageiros do avião.

“Os esforços de busca continuam no setor em que a comunicação com a aeronave foi perdida, a fim de resgatar possíveis sobreviventes”, acrescentou.

Na segunda-feira, as Forças Armadas declararam estado de alerta devido à perda de comunicação com o avião, e uma equipe multidisciplinar de busca e resgate foi ativada.

A aeronave faria uma operação de apoio logístico para manutenção da base e de outras instalações chilenas na Antártida.