Chega a 717 número de peregrinos mortos em Meca

A causa da tragédia foi o aumento no fluxo de peregrinos e a entrada repentina de um grande número deles rumo à área onde se dispunham a realizar um ritual

Riad – Pelo menos 717 pessoas morreram nesta quinta-feira e 805 ficaram feridas em um tumulto nos arredores da cidade de Meca, na Arábia Saudita, provocada pela aglomeração e entrada em massa de peregrinos que participavam do rito muçulmano da peregrinação, o Hajj, informaram fontes da Defesa Civil do país.

Em comunicado, as fontes explicaram que a causa da tragédia foi o aumento no fluxo de peregrinos e a entrada repentina de um grande número deles rumo à área onde se dispunham a realizar um ritual.

Os fiéis se dirigiam de seus acampamentos ao local no qual deviam cumprir hoje com o rito do apedrejamento das três colunas que simbolizam as tentações do diabo, durante o terceiro dia da peregrinação.