Chefs de cozinha visitaram áreas arrasadas por tsunami

'Impressiona, é muito diferente comparar o que as pessoas falam com a realidade da tragédia. É duríssimo, inimaginável', afirmou Adrià

Sendai – O espanhol Ferrán Adrià e o peruano Gastón Acurio, assim como outros membros do chamado G9, o seleto clube dos melhores chefs de cozinha do mundo, fizeram neste sábado uma visita solidária por várias áreas arrasadas pelo tsunami de 2011 no nordeste do Japão.

Após chegar à estação de Sendai, na província de Miyagi, o grupo se deslocou ao bairro de Yuriage, onde o tsunami deixou 800 mortos, e ali puderam comprovar as toneladas de escombros que ainda se amontoam, os alicerces das casas destruídas e visitar o santuário de Hiyoriyama.

‘Impressiona, é muito diferente comparar o que as pessoas falam com a realidade da tragédia. É duríssimo, inimaginável’, afirmou Adrià à Agência Efe.

O grupo pôde passear por algumas das poucas ruínas que restam de pé frente ao mar depois que as ondas arrasassem o bairro naquela fatídica tarde de 11 de março, antes de transferir-se à cidade de Natori, onde a tragédia deixou mais de 900 mortos e 21,2 mil casas destruídas.

Ao nordeste japonês viajaram Adrià e Acurio, o italiano Massimo Bottur e o japonês Yukio Hattori na qualidade de membros do G9, além do chef espanhol Joan Roca e o prestigiado pesquisador americano Harold McGee, especialista de renome mundial em química da alimentação e culinária.

Após a visita, que realizaram acompanhados de um grupo de jornalistas e representantes da região, a comitiva se dirigiu a um hotel de Sendai no qual Adrià fez a entrega de um donativo para os agricultores e produtores da região, avaliado em mais de US$ 12 mil, segundo detalhou Hattori à Efe.

Os convidados puderam conhecer e provar os produtos de uma representação de cerca de 20 pequenos empresários da área, que após a crise nuclear na central de Fukushima, situada a uma centena de quilômetros dali, lutam para voltar à normalidade e demonstrar a qualidade e segurança de seus alimentos.


A partir de amanhã, o grupo já completo se encontrará em Tóquio para começar as sessões do conselho do G9. Esta terceira reunião anual do conselho, após as realizadas em San Sebastián e Lima, acontece no Japão a pedido de Hattori e como um gesto para mostrar o apoio do grupo a este país após o terremoto e tsunami de 2011.

O G9 está composto por Ferrán Adrià, Heston Bluementhal, Rene Redzepi, Michel Bras, Gastón Acurio, Massimo Bottura, Yukio Hattori, Dan Barber e pelo brasileiro Alex Atala.