Chávez está bem e consciente, diz vice-presidente

Presidente venezuelano permanece em estado de repouso absoluto, segundo o vice-presidente do país

Caracas – Hugo Chávez está consciente e informado do que acontece na Venezuela, disse na quinta-feira o vice-presidente Nicolás Maduro, em mais um boletim sobre a saúde do mandatário, que se recupera em Cuba de uma complexa cirurgia em decorrência de um câncer, a menos de um mês de assumir um novo mandato de seis anos.

Maduro, que governa interinamente o país, afirmou que Chávez luta pela vida e continua em repouso absoluto, recuperando-se progressivamente depois de sofrer uma hemorragia e uma infecção respiratória.

“Ele se encontra bem, se encontra consciente . Sou informado de que já foi posto a par da vitória do domingo passado, e manifestou grande felicidade e um agradecimento profundo a todo o povo”, disse Maduro em um ato público no interior do país.

“A infecção respiratória diagnosticada continua sendo tratada e controlada pela equipe médica”, acrescentou Maduro, apontado por Chávez como seu herdeiro político caso ele não possa voltar ao poder.

Chávez anunciou em 8 de dezembro a reincidência do câncer, do qual só se sabe que está alojado na região pélvica, e que por isso seria operado pela quarta vez em 18 meses. Ele também já passou por ciclos de rádio e quimioterapia.


O presidente, de 58 anos, no poder desde 1999, obteve em outubro um novo mandato, com duração de seis anos. A Constituição prevê a posse para 10 de janeiro.

O governo diz que a posse pode ser adiada, enquanto a oposição considera que, se Chávez não puder assumir nessa data, deverá ser declarado incapacitado, com uma nova eleição a ser realizada num prazo de 30 dias.

Analistas dizem que Chávez poderia assumir o cargo mesmo estando fora do país, porque a Constituição prevê que ele deve prestar juramento perante o tribunal supremo, mas não detalha se isso precisa acontecer no território venezuelano.