Chávez confirma participação na cúpula do Mercosul

O líder afirmou que o Mercosul foi o ''centro das conversas'' de um encontro que contou, além de Patriota, com a presença do chanceler venezuelano, Nicolás Maduro

Caracas – O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, confirmou nesta quinta-feira que participará da cúpula presidencial do Mercosul, marcada para o dia 7 de dezembro, em Brasília, e disse que seu país está acelerando o passo para poder atuar com todo seu potencial no bloco.

”O chanceler (Antônio) Patriota me trouxe o convite para participar da cúpula em Brasília. Com a ajuda de Deus estaremos lá, será a cúpula de presidentes e presidentas do Mercosul”, disse Chávez na sede do governo.

O líder afirmou que o Mercosul foi o ”centro das conversas” de um encontro que contou, além de Patriota, com a presença do chanceler venezuelano, Nicolás Maduro, e do ministro da Indústria do Brasil, Alessandro Teixeira.

”Estamos empenhados para que em 7 de dezembro tenhamos já o acordo sobre a Tarifa Externa Comum”, acrescentou Chávez, que em 7 de outubro conseguiu sua terceira reeleição consecutiva para presidente da Venezuela.

O país se integrou como membro pleno do Mercosul em 31 de julho após o Paraguai ser suspenso do bloco após a destituição de Fernando Lugo.

”Tenho certeza que dentro de poucos meses, tomara que seja assim, ocorrerá o reingresso da república irmã do Paraguai, quando retornar a democracia ao Paraguai”, afirmou Chávez em referência as eleições gerais paraguaias de abril de 2013.