Cassação vem de desejo de eliminar rival, diz Berlusconi

O ex-primeiro-ministro da Itália Silvio Berlusconi disse que a aprovação de sua cassação do Senado é fruto da "vontade" de eliminar um rival da política

Roma – O ex-primeiro-ministro da Itália Silvio Berlusconi disse nesta sexta-feira que a aprovação de sua cassação do Senado é fruto da “vontade” de eliminar um rival da política por meios judiciais.

Em comunicado, Berlusconi afirmou que a decisão da Junta para as Eleições e a Imunidade do Senado, que precisa ser ratificada no plenário para ser definitiva, menospreza os princípios fundamentais do Estado de Direito.

“Esta decisão indigna foi fruto não da correta aplicação de uma lei, mas da vontade de eliminar por via judicial um adversário político que não se conseguiu eliminar nas urnas através dos meios democráticos”, acrescentou Berlusconi.