Carro da Uber e dois táxis são incendiados na África do Sul

Veículos foram queimados no distrito de alto padrão de Sandton, em Johanesburgo, por causa de uma disputa de tarifas

Johanesburgo – Um carro da Uber e dois táxis foram incendiados no principal bairro comercial de Johanesburgo, na África do Sul, na noite de quinta-feira por causa de uma disputa sobre tarifas, mas ninguém ficou ferido, disseram a Uber e a polícia nesta sexta-feira.

Os veículos foram queimados no distrito de alto padrão de Sandton, perto da estação de Gautrain, ponto popular para táxis recolherem passageiros e cenário de ataques anteriores a carros da Uber. Não ficou claro quem ateou fogo nos veículos.

Motoristas da Uber de todo o mundo vêm enfrentando ameaças e protestos de taxistas, que alegam que as tarifas baratas do serviço os estão tirando do mercado.

“Todos os motoristas dos carros escaparam ilesos. Suspeita-se que o incidente esteja relacionado à luta em curso entre os táxis convencionais e os Ubers”, disse o porta-voz da polícia, capitão Mavela Masondo.

Um quarto carro teve a janela traseira destruída, disse.

Também nesta sexta-feira, policiais patrulharam a rua diante da estação Gautrain, que fica diante dos escritórios locais da Reuters.

Samantha Allenberg, diretora de comunicações da Uber para a África, disse que só um dos veículos incendiados pertence à empresa.