Canadá pede consulta na OMC contra ação dos EUA sobre madeira

Ato marca o primeiro passo no lançamento de uma queixa formal contra o governo de Donald Trump na organização

Ottawa – O Canadá disse nesta terça-feira que deu mais um passo na luta legal contra as ações dos Estados Unidos que atingem a importação de alguns tipos de madeira canadense ao solicitar um pedido de consulta sobre a questão à Organização Mundial do Comércio (OMC).

O ato marca o primeiro passo no lançamento de uma queixa formal contra o governo de Donald Trump na organização.

Caso EUA e Canadá não consigam resolver o impasse nos próximos 60 dias, um painel nomeado pela OMC será convidado a se pronunciar sobre o caso.

Em declarações, o Canadá reiterou que a decisão americana de impor tarifas de cerca de 20% ou mais sobre as importações de madeira canadense foi “injusta, injustificada e profundamente preocupante”.

O impasse ocorre em meio à renegociação do Tratado Norte-Americano de Livre Comércio (Nafta, na sigla em inglês).