Câmara Baixa dos EUA aprova orçamento federal para 2016

A aprovação do projeto por 316 votos a favor e 113 contra superou as expectativas devido ao amplo apoio recebido tanto dos republicanos como dos democratas

Washington – A Câmara dos Representantes (Deputados) do Congresso dos Estados Unidos aprovou nesta sexta-feira o projeto de orçamento federal para 2016, que será submetido a voto nas próximas horas no Senado e que o presidente Barack Obama prometeu assinar.

A aprovação do projeto por 316 votos a favor e 113 contra superou as expectativas devido ao amplo apoio recebido tanto dos republicanos como dos democratas.

O acordo orçamentário permitirá dotar de fundos o governo federal durante os próximos dez meses e evita, pelo menos até o final de 2016, a ameaça de uma paralisação parcial da Administração como a vivida em outubro de 2013.

Os líderes do Congresso conseguiram na terça-feira um acordo sobre o orçamento federal no valor de US$ 1,15 trilhão para o ano fiscal 2016, que inclui a extensão de isenções fiscais e põe fim à proibição às exportações de petróleo, entre outras medidas.

O acordo contém os aumentos da despesa que Obama reivindicava e, para satisfazer as demandas republicanas, aumenta os recursos para defesa e elimina essa proibição para as exportações de petróleo, vigente há quatro décadas.

Obama assinou na noite da quarta-feira uma nova prorrogação do orçamento federal até o dia 22 de dezembro, para dar mais tempo ao Congresso para votar sobre o acordo.

As atuais contas já tinham sido prorrogadas no dia 11 de dezembro, quando Obama também assinou a legislação do Congresso para evitar o anterior vencimento, que estava fixado para a meia-noite desse mesmo dia.