Cabul executa seis “criminosos, terroristas”

A execução aconteceu um dia depois do enforcamento de outros oito presos do corredor da morte

Cabul – O Afeganistão executou nesta quarta-feira seis “criminosos e terroristas“, indicou um oficial, um dia depois do enforcamento de outros oito presos do corredor da morte.

Os talibãs, que lideram a insurgência contra o governo apoiado pelo Ocidente, afirmaram que haveria represálias se seus militantes fossem executados.

O presidente Hamid Karzai aprovou as execuções dos seis que haviam sido conenados à morte “por acusações de terrorismo, de praticar ataques, explosões e de organizar ataques suicidas”, indicou um porta-voz do governo em um comunicado.