Novato, Pete Buttigieg assume 2ª posição na disputa democrata nos EUA

Na disputa democrata pela presidência dos EUA, apoio à progressista Elizabeth Warren cai e favorece ascensão do prefeito de South Bend, Pete Buttigieg

O jovem prefeito Pete Buttigieg está na segunda posição da corrida democrata para a candidatura presidencial nos Estados Unidos, revela pesquisa divulgada nesta terça-feira, enquanto o apoio à progressista Elizabeth Warren cai devido à sua proposta de atendimento médico universal.

O moderado prefeito de South Bend, Indiana, que é gay, aparece à frente dos principais candidatos liberais conhecidos, como Warren e seu companheiro senador Bernie Sanders, sendo superado apenas pelo ex-vice-presidente Joe Biden, segundo a última pesquisa da Universidade de Quinnipiac.

Biden lidera com 24% entre os eleitores democratas e os independentes que se inclinam pelo partido, agora seguido por Buttigieg, 37 anos, que saltou de 10% para 16% em relação à pesquisa precedente.

Warren caiu de 28% para 14%, enquanto Sanders recuou de 16% para 13%.

A mesma pesquisa mostra o magnata e ex-prefeito de Nova York Mike Bloomberg, que recentemente lançou sua candidatura, com 3%.

A pesquisa da Quinnipiac entrevistou 1.355 eleitores, há apenas nove semanas das primárias de Iowa, onde Buttigieg lidera.

A pesquisa é um banho de água fria em Warren, que surfava em uma onda positiva nos últimos meses, mas caiu devido à oposição a sua proposta de Medicare para Todos, um plano universal que eliminaria os seguros de saúde privados.

Apenas 36% dos eleitores acreditam que seja uma boa ideia.

Buttigieg se mantém na quarta posição na média das pesquisas feita pelo RealClearPolitics, atrás de Biden, Sanders e Warren.