Brasileiro José Graziano é eleito para chefiar FAO

Ex-ministro de Lula recebeu pouco mais da metade dos votos

São Paulo – O brasileiro José Graziano foi eleito neste domingo para a direção-geral da FAO, órgão da ONU para agricultura e alimentação.

Graziano, de 61 anos, recebeu 92 dos 180 votos, informou a página da instituição na Internet.

O ex-ministro extraordinário de Segurança Alimentar e Combate à Fome no primeiro mandato de Luiz Inácio Lula da Silva era o representante da FAO (Food and Agriculture Organization) na América Latina e no Caribe desde 2006. Sua candidatura foi apresentada por Lula e pela presidente Dilma Rousseff.

Como ministro, Graziano coordenou o programa Fome Zero, principal bandeira do início do governo Lula.