Bombardeios do regime deixam 85 mortos em Aleppo

Entre as vítimas há 13 menores de idade e pelo menos dez combatentes da Frente al Nusra, vinculada a Al Qaeda, informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos

Cairo – Pelo menos 85 pessoas morreram nos bombardeios com barris explosivos lançados no sábado pelo Exército sírio contra diferentes regiões da província de Aleppo, no norte do país, informou neste domigno o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Entre as vítimas há 13 menores de idade e pelo menos dez combatentes da Frente al Nusra, vinculada a Al Qaeda, segundo o comunicado deste grupo independente, com uma ampla rede de ativistas no terreno. EFE